Mutirão de emprego oferece 12 mil vagas em São Paulo

[

Começou nesta terça-feira (1º) a 8ª edição do Mutirão Nacional do Emprego da União Geral dos Trabalhadores (UGT), na sede do Sindicato dos Comerciários de São Paulo, na região central da cidade, no Vale do Anhangabaú. Até o dia 4 serão oferecidas 12 mil vagas para os trabalhadores que estão em busca de uma oportunidade de trabalho ou para se reintegrarem no mercado. São oportunidades em diversas áreas para contemplar todas as faixas etárias, incluindo jovens aprendizes e pessoas com mais de 50 anos. Há ainda oportunidades específicas para mulheres, negros e população LGBTQIA+. A estimativa é a de que pelo menos 80% das vagas sejam ocupadas.

“Estamos em busca de inclusão social e capacitação profissional e a novidade é que esse ano há uma quantidade enorme de vagas para o jovem aprendiz, porque mesmo que tenha diminuído o desemprego, na juventude continua elevado. Então, o primeiro emprego mantém o jovem na escola, mas já começa a dar oportunidade de ele ter facilidade de ter um segundo, terceiro emprego”, disse o presidente do Sindicato dos Comerciários e da UGT, Ricardo Patah.

Capacitação

Segundo Patah, este ano o mutirão conta com uma parceria com o Sistema S, que abrirá espaço para capacitação sob medida, de acordo com a demanda das empresas que já firmaram esse compromisso conjunto. “Caso a empresa perceba que faltou algum quesito de capacitação, a vaga fica garantida, o candidato faz a capacitação necessária e já vai para o trabalho. Por isso eu chamo de mutirão da solidariedade, da esperança e tenho certeza de que o resultado será muito positivo”.

Todas as empresas que aderiram ao mutirão estarão concentradas no prédio do sindicato e os interessados em se inscrever farão o cadastro para verificar em qual tipo de trabalho se enquadram. Preenchida a ficha, o candidato é encaminhado para a entrevista. “Muitas das entrevistas já são definitivas e a pessoa já sai daqui com o emprego. Outras passam por uma primeira seleção e depois tem outros testes que são feitos na própria empresa, mas já é um bom começo”, afirmou Patah.

Direitos Humanos

Além disso, o Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania (MDHC) participa oferecendo ao público serviços como emissão de certidão de nascimento, orientações sobre retificação do nome civil, o uso do Disque 100 para denúncias de abusos e violações de direitos humanos, e as funcionalidades do aplicativo Clique Cidadania, destinado a brasileiros e migrantes no Brasil.

O objetivo do MDHC é dar informações que ampliem a conscientização sobre os direitos humanos, orientar de que forma podem ser encaminhadas denúncias de violações de trabalho escravo, de trabalho escravo doméstico e outras denúncias ligadas ao aspecto do exercício e dos direitos da população a cidadania.

Geração de empregos

De acordo com o ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho, é importante que se ofereça através de iniciativas como esta a oportunidade de cada trabalhador e trabalhadora ter a sua porta de possibilidades de informação, da prestação de serviços e de capacitação. Segundo ele, o número de empregos gerado no primeiro semestre, que ficou em 1,23 milhão, poderia ser maior caso houvesse queda da taxa de juros.

“Espero que para o segundo semestre o Banco Central cumpra a sua obrigação legal que é de observar os indicadores da economia e monitorar juros conforme esse indicador. Por esses indicadores, os juros poderiam estar abaixo do que estão. Aliás, está lá nas obrigações do Banco Central também observar emprego”, afirmou.

Marinho também disse esperar para o segundo semestre que uma nova etapa se inicie e os investimentos e a produção aumentem para caminharem em sintonia com as medidas do governo, com as políticas públicas e econômicas, para chegar ao processo de retomada e crescimento da geração de emprego.

“Da mesma forma, é preciso alavancar a produção para estar sintonizado entre o crescimento da massa salarial e o crescimento da produção brasileira. É assim que se controla a inflação. Não se controla a inflação só com arrocho, restrição de crédito, como está acontecendo. É preciso ofertar e não permitir que a procura ultrapasse a quantidade que está lá na prateleira. É dessa forma que se controla a inflação, crescendo empregos, salário e sem gerar inflação”, disse.

, author]

Fonte: Agencia Brasil